Sobre Ronaldo Bezerra

Rev. Ronaldo Bezerra de Oliveira e Souza é ministro da Igreja Presbiteriana do Brasil (jubilado por invalidez) em Vitória – ES, e é um ferrenho defensor do Evangelho de Cristo.

biografia de Ronaldo Bezerra

Espaço reservado

Aguarde nosso Videocast

Meditando sobre a caminhada de nossa família (parte II)

21,ago,2010 por Ronaldo Bezerra

Família cristã e a obra de Deus

Leia a parte primeira parte do artigo neste link.

Terceira lição – apoio: fico maravilhado ao ver a ação de Deus na vida de Josué. Deus, que o comissionou para uma missão árdua e difícil, prometeu estar com ele da mesma forma em que esteve com Moisés. Deus lhe disse que nunca o deixaria e nem o desampararia. Isto é maravilhoso. Olhe bem os versículos 5 e 9:

“5 ?Ninguém te poderá resistir todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei, nem te desampararei.”

“9 ?Não to mandei eu? Sê forte e corajoso; não temas, nem te espantes, porque o SENHOR, teu Deus, é contigo por onde quer que andares.”

Estas palavras de Deus ditas diretamente a Josué, com certeza encheram de ânimo e coragem o jovem para a missão difícil a qual fora chamado. Este é exatamente o Deus da Bíblia! Aquele que chama e também capacita à realização do chamado.

Deus nunca colocou nas mãos de seus amados nenhuma “batata quente” para ser descascada. Nenhum “abacaxi” para ser descascado. De forma alguma seria diferente em relação à nossa família. Quando Deus nos chamou para constituirmos uma família, cada um em sua função, Ele nos habilitou para tal e nos prometeu todo o apoio necessário na execução da tarefa que nos foi destinada. Pensar de outra forma é colocar Deus na situação de mentiroso e covarde.

Marido, lembre-se: você pode e deve amar sua esposa. Para isto Deus o chamou e o constituiu esposo. Ou será que você pensa que Deus o chamaria para amar outra mulher que não fosse a sua esposa?

Esposa, lembre-se que você pode e deve ser submissa a seu marido. Para isto Deus a chamou e constituiu esposa . Ou será que você pensa que Deus não conhece bem o seu marido e não sabe da impossibilidade de ser submissa a ele?

Filhos , lembrem-se de que vocês podem e devem ser obedientes a seus pais. Para isto Deus os chamou e constituiu filhos. Ou será que Deus não conhece seus pais e não sabe o quanto eles pegam no seu pé? O quanto são quadrados? O quanto vivem em outro mundo que não é o século XXI?

Ou poderei dizer que Deus não nos dará suporte, apoio nestes momentos tão necessários? Nos momentos de raiva, nos momentos de vontade de sumir, nos momentos de dor, nos momentos de desamparo, nos momentos de incompreensão. A palavra de JESUS CRISTO é muito clara: “E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século” (Mt 28.20) Será que Jesus mentiu pra nós? Será que posso confiar na Palavra de Deus?

Na verdade irmãos, quando as coisas desmoronam em nossa família é porque não permitimos, não buscando em oração, que Deus nos suporte, nos dê o apoio que precisamos. Irmão, irmã, na verdade você tem procurado a solução de seus problemas familiares em oração? Por que será que sua oração não tem sido atendida? Será que você tem pedido mal? (Tg 4.3). Vivemos dias difíceis em que muitas vezes queremos que DEUS se subordine à nossa vontade e, por isto, muitas vezes pedimos mal e até mesmo reclamamos da resposta de Deus para a nossa oração.

Quarta lição – obediência: a instrução de Deus para Josué no texto que lemos é enfática e normativa. Veja por favor os versículos 7 e 8:

“7 ?Tão-somente sê forte e mui corajoso para teres o cuidado de fazer segundo toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que sejas bem-sucedido por onde quer que andares.

8 ?Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; então, farás prosperar o teu caminho e serás bem-sucedido.”

Josué deveria ter o cuidado de fazer tudo! O que esta palavra significa para você? Ele não deveria desviar-se nem para a direita, nem para a esquerda? Ele deveria ser forte e corajoso. Irmão , irmã , o mesmo que Deus requeriu de Josué , Ele requer também de nós. Como maridos. Como esposas. Como filhos. Como pais .

É muito sério o que vou afirmar, mas é a verdade Bíblica: Deus jamais trará a sua bênção sobre a nossa família, sobre a nossa relação conjugal, se formos desobedientes às suas determinações. Na Bíblia, nós não encontramos bons conselhos da parte de Deus. O que encontramos são ordens, determinações, leis, ditames.

Marido, você tem sido obediente a Deus em suas determinações para o seu relacionamento conjugal? Você tem amado a sua esposa como Cristo amou a sua Igreja e a si mesmo se entregou por ela? (Ef 5.25). Você tem tratado a sua esposa com consideração, considerando-a como parte mais frágil? Tem sido integralmente fiel à sua esposa, ou até mesmo em pensamento tem pensado em trocá-la por outra? Tem sido marido de uma só mulher? (Pv 6.29) Você  marido tem vivido a vida comum do lar? (IPe 3.7). Obedecer a Deus tem sido difícil para você, marido? Lembre-se que Deus quer mais a sua obediência do que o seu culto. Verdade! Deus deixou muito claramente descrito em sua Palavra Bendita, a Bíblia Sagrada, o que Ele requer de nós, maridos. Precisamos parar de culpar nossas esposas pelos problemas que enfrentamos em nossos casamentos e assumir que tudo está ligado à nossa desobediência aos ditames de Deus para nós, maridos.

Faça como Deus disse para fazer, peça sabedoria a Ele para ser marido e veja o resultado. Você me diria que sua mulher é chata? Que fala demais? Que não cuida de sua casa? Que não o respeita? Que ela está gorda demais? Que ela não se cuida? Tantas e tantas outras desculpas para seu casamento não estar lá grande coisa? Minha pergunta a você, marido, é única: você tem sido obediente a Deus naquilo que Ele disse que você deveria fazer em relação a sua esposa?

E você esposa? Será que Deus deixou claro o que Ele requer de você como esposa?  Você tem sido submissa a seu marido? (Cl 3.18). Tem respeitado o seu marido? (Ef 5.33). Tem cuidado em agradar a seu marido ? (ICo 7 .34). Você tem santificado o seu marido através de seu convívio? (ICo 7.14) Você esposa tem sido uma mulher virtuosa conforme a descrição de Provérbios 31? Você tem usado a relação sexual como meio de obter algo, alguma vantagem? (ICo 7.4). Você tem sido a glória de seu marido? (ICo 11.7). Obedecer a Deus tem sido difícil para você, esposa? Lembre-se que Deus quer mais a sua obediência do que o seu culto. Verdade! Deus deixou muito claramente descrito em sua Palavra Bendita, a Bíblia Sagrada, o que Ele requer de vocês, esposas. Precisamos parar de culpar os maridos pelos problemas que enfrentamos em nossos casamentos e assumir que tudo está ligado à desobediência aos ditames de Deus às esposas.

Faça como Deus disse para fazer, peça sabedoria a Ele para ser esposa e veja o resultado. Você me diria que seu marido é chato? Ciumento? Agressivo? Bruto? Que trata melhor outras mulheres do que você? Que não a respeita? Que está velho demais e ultrapassado? Que ele não se cuida?  Tantas e tantas outras desculpas para seu casamento não estar lá grande coisa? Minha pergunta a você, esposa, é única: você tem sido obediente a Deus naquilo que Ele disse que você deveria fazer em relação a seu esposo?

Irmão, irmã, vocês entendem a importância da obediência às instruções e leis de Deus em relação à sua vida conjugal e familiar? Cristão desobediente jamais receberá a bênção de Deus! Seja um marido segundo o coração de Deus e veja o resultado em sua casa. Seja uma esposa segundo o coração de Deus e veja o que acontecerá em sua casa.

O mesmo raciocínio vale para os filhos e para os pais? Você filho ou filha  tem sido obediente a seus pais? Em tudo? Lembre-se de que honrar pai e mãe é impossível sem obediência e este é o primeiro mandamento com promessa. Filho ou filha, você quer ser feliz? Então seja obediente a seus pais! Em tudo! E vocês, pais, lembrem-se de não provocar seus filhos à ira!

A necessidade de um líder na família, o objetivo que Deus estabeleceu para a nossa família, o apoio que recebemos de Deus para a concretização deste objetivo e também a nossa obediência a Deus e às suas leis, com certeza, sem medo de dizer bobagem, levar-nos-á a viver uma vida feliz em família. Feliz mesmo! Intensamente feliz!  E na linguagem Bíblica: “Uma vida abundante”! Quero encerrar esta nossa conversa lembrando-os de alguns textos bíblicos que são sobremaneira importantes:

“Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade, ?corça de amores e gazela graciosa. Saciem-te os seus seios em todo o tempo; e embriaga-te sempre com as suas carícias” (Pv 5.18-19).

“Goza a vida com a mulher que amas, todos os dias de tua vida fugaz, os quais Deus te deu debaixo do sol; porque esta é a tua porção nesta vida pelo trabalho com que te afadigaste debaixo do sol” (Ec 9.9).

“e que disse: Por esta causa deixará o homem pai e mãe e se unirá a sua mulher, tornando-se os dois uma só carne? ?De modo que já não são mais dois, porém uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem” (Mt 19.5-6).

“Beija-me com os beijos de tua boca; porque melhor é o teu amor do que o vinho” (Ct 1.2).

“o meu amado é meu e eu sou dele; ele apascenta o seu rebanho entre os lírios” (Ct 2.16).

“tu és formosa, querida minha, e em ti não há defeito” (Ct 4.7).

Sobre cantares, o cântico dos cânticos: o seu título anuncia que o livro é um cântico de qualidade inigualável. É um livro para aqueles que desejam saber ou lembrar-se do que significa estar apaixonado. Que o Espírito Santo de Deus possa mostrar a cada um de nós individualmente algumas coisas:

1 – Que possamos tomar conhecimento de que se a nossa família vai mal, ela pode ser consertada por Deus;

2 – Que possamos tomar conhecimento de que se a nossa família vai bem, ela pode ser melhorada e muito;

3 – Que possamos tomar conhecimento de que Deus quer a nossa felicidade em família e ser feliz em família é muito mais importante que ser feliz na igreja;

4 – Que possamos tomar conhecimento de que temos todo o apoio de Deus para construirmos uma família feliz;

5 – Que possamos ter consciência de que não vamos viver processos de tentativa na construção de uma família feliz. O manual está escrito e precisa ser seguido à risca;

6 – Que possamos ter consciência de que na família não existe mais importante, mas existem diferentes funções.

Oração Final : Deus querido, abençoa Senhor, cada família neste momento. Que todos nós, Senhor, possamos crer e saber, que O Senhor deseja que sejamos uma família feliz. Saibamos todos, Senhor, que quando somos felizes, nos padrões de Deus, o Seu Nome Precioso é glorificado. Oramos em nome do Senhor Jesus Cristo! Amém!

Trackbacks/Pingbacks para este artigo

  1. palavraqueliberta.com.br Meditando sobre a caminhada de nossa família (parte I)

2 Comentários para " Meditando sobre a caminhada de nossa família (parte II) "

  1. Sara(filha do Jader) disse:

    Oi

    Pastor, te encontrei por um acaso na internet, não sabia dessa bênção. Fiquei emocionada e tocada com a mensagem de Deus transmitida através da sua pessoa.

    saudades!

    Deus te abençõe sempre!

  2. Thelma disse:

    Reverendo, esta mensagem veio do coração de Deus!
    Que sua família seja cheia do Espírito Santo e que suas pregações glorifiquem ao Senhor Jesus, como esta.

    Fique com a graça e paz, do amado das nossas almas, JESUS CRISTO.


Deixe um comentário

Para garantir a publicação de seu comentário, respeite nossa política de uso que você pode conhecer clicando aqui.

Antes de nos dizer que não podemos julgar, clique aqui e descubra que não só podemos como devemos.

XHTML: Você pode usar as seguintes tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>